Professora do Barão participa do 36º Festival de Dança de Joinville

240 horas de espetáculos, cerca 230 mil espectadores e mais de sete mil participantes de 17 estados brasileiros, do Distrito Federal e bailarinos do Paraguai e Estados Unidos. Esses são alguns dos números do 36º Festival de Dança de Joinville, um dos principais circuitos de dança do planeta. As apresentações de balé clássico, balé clássico de repertório, contemporâneo, jazz, sapateado, danças populares e danças urbanas iniciaram no dia 17 de julho e seguem até o próximo sábado (28).

Na última terça-feira (24), os espetáculos de balé neoclássico e sapateado foram prestigiados pela professora de Dança e Educação Física do Instituto Anglicano Barão do Rio Branco (IABRB), Meliza Rizzi, que também aproveitou a passagem pela capital nacional da dança para visitar a Escola Bolshoi. “No Festival encontramos os melhores talentos e também inspirações para ideias que podem ser adaptadas a nossa realidade. A dança precisa de muita dedicação para se ter resultados, mas estar imerso em um universo como esse nos possibilita sonhar e acreditar que podemos sim, mas precisamos sempre de muita dedicação para desempenhar um bom trabalho”, declara a professora, demonstrando todo o seu amor pela dança.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *